CLUB447 Deluxe #1 ft. SNAP!

 

Retrocedamos no tempo, até à época em que para sair à noite tinhas que fingir que ias dormir a casa de uma amiga, e pôr-lhe comprimidos para os aviões na sopa da mãe; em que dois TGVs chegavam para te proporcionar uma estância de 2 horas no chão de um WC a dizer mal dos teus amigos; em que — paciente e produzida – esperavas ao frio de Matosinhos que a Germana desta vez te deixasse entrar, só para depois ao sair não te lembrares onde é que tinhas posto o cartão… Se és do Porto, tens entre 25 e 35 anos, e não sabes do que é que estamos a falar, mais vale a pena ficares caladinho e não dizeres a ninguém.

Rui Reininho num fato-macaco cor-de-laranja de braço dado com duas loiras estonteantes, moche na pista com Nirvana, animadores de patins e tigres amestrados: o ingénuo glamour de sexta à noite a anunciar a ressaca de sábado.

Estamos no princípio dos noventas, a música de dança em Portugal dá os primeiros passos com os discos e eventos da Kaos, os Underground Sound of Lisbon lançam o êxito internacional “So get up”, e nomes como Tó Pereira, João Daniel e Luís Leite levam, a par da recém-chegada música electrónica de dança, uma mensagem de afirmação e nova fonte de esperança a uma geração sem grandes causas nem expectativas.

No Porto, ou mais especificamente em Matosinhos, o Cais 447 transformara-se no expoente máximo desta forma de viver a noite, ritmada e libertina, uma profissão a tempo inteiro de sexta a domingo, e DJs como Freddy, Mário Roque e Manaça deixariam profundamente marcadas na memória dos seus habitués faixas como “Show Me Love” de Robin S, “Push The Feeling On” dos Nightcrawlers, “The Rythm of The Night” de Corona, ou “Plastic Dreams” de Jay-Dee.

Avancemos agora até ao tempo presente, e umas semanas mais adiante até ao futuro. Encontramo-nos a 26 de Dezembro de 2009, sábado, ressaca do Natal. Num espaço mítico, algures no centro da cidade, contorcem-se os corpos frenéticos ao som das mesmas faixas que há mais de dez anos partiam corações na pista do Cais. O nome do evento: CLUB447.

Os locais abrem e fecham, deslumbram e passam de moda, mas a vontade e a atitude estão cá para ficar. Para celebrar não só esse grande espaço que foi o Cais 447, como também a época em que a música de dança viu pela primeira vez a luz do dia em Portugal e em que nós ensaiávamos as primeiras incursões ao que seria uma vida de boémia electrónica, os DJs Fulano47 e Sininho apresentam o CLUB447 DELUXE #1, que convidará pela primeira vez ao Porto os lendários produtores dos 90s SNAP!, e que terá como palco o Teatro Sá da Bandeira.

> EVENTO Facebook

 

test
Web Flyer

Photo Gallery

Uma selecção das melhores fotos do evento, por Ligia Claro.
$9.99
VER FOTOS
test
Flyer (verso)

test
Flyer Reportagem (frente)

Flyer-Report

Uma semana após o evento, o CLUB447 imprimiu e distribuiu um flyer com a reportagem fotográfica do evento: a diferença está nos detalhes.

test
Flyer Reportagem (verso)

test
Bilhetes

Sponsored by

Patrocínios e apoios